O discurso de Bolsonaro na ONU segundo o portal R7

Com o discurso do Presidente Jair Bolsonaro na Assembleia Geral da ONU hoje (24), os  portais de notícias G1 e R7 trataram de forma bem diferente as falas do presidente.
Bolsonaro durante seu discurso na ONU nesta terça (24) Carlo Allegri/Reuters
Tube News
24/09/2019  18h34m
Não é de hoje que sabemos os posicionamentos políticos do portal G1 (Grupo Globo) e o portal R7 ( Record TV) ficam evidentes em suas publicações, muitas vezes deixando de lado a imparcialidade do jornalismo.

Com o discurso do Presidente Jair Bolsonaro na Assembleia Geral da ONU hoje (24), os dois portais de notícias trataram de forma bem diferente as falas do presidente.

A reportagem publicada no R7, sob assinatura do jornalista Marco Antonio Araujo, rasgou elogios ao presidente brasileiro, falando em "choro de derrotados" quem reclama de um político que fala o que pensa, como todos estamos acostumados ouvir e ler sobre Jair Bolsonaro.

Antes do "choro", o jornalista inicia escreveu que a "democracia brasileira colocou no poder um político que se elegeu dizendo exatamente o que pensa"

Marco Antonio Araujo deixa claro que o tom sincero (muitas vezes sem filtro) de Bolsonaro é algo positivo em uma reunião de grandes nações.

"Pois bem, planeta: lide com isso"
Esse trecho acima em parenteses é o início da seguinte afirmação e conclusão do jornalista:
"Jair Bolsonaro optou por se apresentar à comunidade internacional como ele é: um defensor de valores conservadores e religiosos judaico-cristãos, um nacionalista e patriota que aceita a liderança dos EUA, um líder que acredita que a Amazônia deve ser explorada pelos brasileiros, em conjunto com os americanos, sem concessões a 'ambientalistas radicais', indígenas e quilombolas"


Postar um comentário

0 Comentários