Seca revela templo submerso há 20 anos por barragem tailandesa

Wat Nong Bua Yai estava há 20 anos sob as águas de barragem em Lopburi, na região central do país.
Pessoas visitam ruínas de um templo budista que ressurgiu em uma represa seca devido à seca em Lopburi, na Tailândia — Foto: Soe Zeya Tun/ Reuters
Tube News, via G1
06/08/2019  17h31m
A seca que atinge a região central da Tailândia fez com que o nível de uma barragem baixasse e um templo budista que estava submerso reaparecesse em Lopburi.

O Wat Nong Bua Yai, que estava há 20 anos sob as águas, passou a receber a visita de centenas de pessoas, que caminharam entre peixes mortos e partes danificadas da estrutura.

Entre os visitantes, estão monges budistas que colocam flores em homenagem a uma estátua do Buda de quatro metros que atualmente está sem cabeça, de acordo com a agência Reuters.

O templo já foi o centro da comunidade local. Além de ser sede de rituais religiosos, em torno dele funcionava uma área de lazer e aconteciam festas e atividades educativas.
Família reza perto das ruínas de uma estátua de Buda que ressurgiu após seca baixar nível de barragem em Lopburi, na Índia — Foto: Soe Zeya Tun/ Reuters
Seca na TailândiaEsta é a segunda vez que o templo reaparece após a construção da barragem. Em 2015, também foi possível vê-lo após a uma severa estiagem.

O departamento de meteorologia diz que a Tailândia enfrenta a sua pior seca em uma década, com os níveis de água nas barragens em todo o país abaixo da média mensal.

A barragem em que está o Wat Nong Bua Yai tem capacidade para 960 milhões de metros cúbicos de água, o que irriga mais de 526.000 hectares de plantações. Com a seca, o nível caiu para 3% e o reservatório só tem água para manter 1.214 hectares irrigados.

Postar um comentário

0 Comentários