A 'ilha de lixo' da Baía de Guanabara

Quantidade de detritos nas águas cresceu após chuvas de abril. Apesar da poluição, ainda vivem ali 202 espécies de peixes.
'Ilha de lixo': massa de detritos forma uma praia que se esconde também sob o manguezal, poluindo o habitat de espécies Foto: Custódio Coimbra / Agência O Globo

Tube News, via O Globo
05/05/2019  07h19m
No princípio era só a lama, contaminada por décadas de lançamentos de resíduos industriais. Com os anos, vieram tubos de TV, pneus, computadores, incontáveis sapatos, garrafas plásticas, dejetos de todo tipo. E, após as chuvas de abril, catadores de caranguejos e ambientalistas constataram o crescimento na Baía de Guanabara de uma espécie de ilha de lixo. Como num gênesis da destruição, a “ilha”, visível do espaço, nada tem de natural. Foi criada por falta de saneamento e educação.

Leia completo em O Globo.


'Ilha de lixo': massa de detritos forma uma praia que se esconde também sob o manguezal, poluindo o habitat de espécies Foto: Custódio Coimbra / Agência O Globo

Nenhum comentário:

Deixe sua opinião, sempre com respeito:

Tecnologia do Blogger.