Record e Globo exibem vídeos falsos sobre Brumadinho

Tube News também fez algumas postagens em nosso canal no Youtube e, depois de chegagens mais minusiosas, foram deletadas.
(Foto: divulgação/Record TV)
Tube News, via G1 e RD1
30/01/2019  11h07m
No último domingo (27), o “Domingo Espetacular”, da Record, acabou divulgando uma fake news. Durante a exibição de uma matéria, um vídeo falso foi mostrado como sendo referente à tragédia de Brumadinho (MG), que ocorreu na sexta-feira (25).

No Twitter, um internauta notou o erro do programa. “A Record acabou de exibir um vídeo falso sobre a barragem”, disse. “Exibiram agora no Domingo Espetacular como se fosse da tragédia em Brumadinho”, completou.
(Foto: repordução/G1 e redes sociais)


O vídeo verdadeiro é de um desmoronamento nas obras de uma hidrelétrica em Sinop, Mato Grosso, gravado em 8 de outubro de 2015”, afirmou.

Detectado o erro na exibição, a apresentadora corrigiu a notícia e informou o equívoco aos telespectadores. “A apresentadora se retratou agora sobre o vídeo falso”, atualizou o internauta na rede social.

Ainda na sexta (25), dia da tragédia em Brumadinho, no plnatão do Jornal Hoje, ancorado por Maju Coutinho, a mesma chamou uma reportagem falando sobre um vídeo que mostraria momentos depois do rompimento da barragem. Na verdade trata-se de um vídeo de Mariana, em 2015, outro grande acidente de barragem de rejeitos de minério, matando 19 pessoas.


Acompanhando redes sociais e o plantão do Jornal Hoje e dias posteriores, não vimos retratação da emissora referente ao vídeo postado. Na checagem de notícias falsas da Globo, o Fato ou Fake, também não menciona este erro.
(Foto: repordução/G1 e redes sociais)

Nós também enfrentamos este problema de divulgar sem fazer a devida checagem. Divulgamos um vídeo de um homem que filmava em cima de uma ponte diversos bovinos sendo arrastamos por uma enxurrada. O vídeo não é de Brumadinho.

A cena foi registrada em dezembro de 2018 na cidade de Lavrinhas, em São Paulo, depois de o nível do Rio Jacú subir por conta de fortes chuvas na região. Pelo menos cinco animais foram resgatados.


Nenhum comentário

Deixe sua opinião, sempre com respeito: