Vídeo mostra floresta 'respirando' no Canadá

As imagens mostram as árvores próximas ao Rio Apple, localizado no extremo leste canadense, na região da Nova Escócia, se mexendo conforme o vendo passa.
A Terra está viva! Vídeo mostra floresta 'respirando' no Canadá.Foto: Reprodução/YouTube
Tube News, via Yahoo
15/12/2018 08h25m
O pulmão do mundo, ou seria a boca? Ou talvez o início de uma cratera? Até mesmo uma montagem bem feita, quem sabe? A questão é que ninguém soube explicar muito bem o que aconteceu neste vídeo intrigante (assista abaixo), gravado em uma floresta do Canadá, no fim do mês passado.

As imagens mostram as árvores próximas ao Rio Apple, localizado no extremo leste canadense, na região da Nova Escócia, se mexendo conforme o vendo passa. Mas o mais sinistro de tudo não é nem o movimento da plantas mais altas – e sim do solo, que parece estar "respirando".

É possível ver mais de uma vez o estranho fenômeno, que de fato lembra o tronco de um animal fazendo o movimento de ventilação pulmonar.

O próprio usuário responsável pela filmagem tentou dar uma explicação com base nas suas impressões in loco. "As árvores maiores estão fadadas a influenciar a corrente de vento para baixo, mas neste caso as menores as ajudam, mantendo a estabilidade e fazendo com que a brisa empurre uma em direção à outra", publicou Brian Nutall em sua página no Facebook.

"O vento dominante passa pela vegetação, levando uma espécia de 'pedágio' pela colina; com ele, as raízes se afrouxam do chão que, coberto de musgo, começa a mudar a sua aparência sombreada", completou.

"As raízes da árvore que morreu [soterrada no solo] estão causando espaço subterrâneo na terra, e o chão da superfície de musgo é muito leve. Então, quando o vento sopra, o solo se move junto com as raízes... essa é minha teoria!", respondeu um dos curiosos, um dos vários a levantar hipóteses.

O registro foi feito no último dia 31 e publicado no dia seguinte no YouTube. Lá, o vídeo já possui quase 200.000 visualizações. Veja você também e, nos comentários, dê a sua sugestão de explicação para esse bizarro fenômeno.

Veja o vídeo:

Postar um comentário

0 Comentários