Mãe que pulou em rio por filha que fingiu se jogar segue sumida

A filha de Lourivania Gomes da Silva, de 35 anos, havia ameaçado se jogar nas águas do rio, no domingo (9). De acordo com os bombeiros, ela não sabia nadar.
As buscas por Lourivania são feitas de barco ao longo do rio — Foto: Corpo de Bombeiros/Divulgação
Tube News, via G1
11/12/2018  19h16m
Os mergulhadores do Corpo de Bombeiros encerraram as buscas pela por uma mulher de 35 anos que desapareceu ao pular no Rio Araguaia em Torixoréu, a 577 km de Cuiabá, para tentar ajudar a filha que simulou se jogar nas águas. Lourivania Gomes da Silva foi vista pela última vez no domingo (9).

Até a publicação desta reportagem, porém, Lourivania não havia sido localizada. De acordo com os bombeiros, ela não sabia nadar.

As buscas passaram a ser feitas de barco pela superfície ao longo da extensão do rio.

O rio, ainda de acordo com os bombeiros, está cheio e a condição atrapalha as buscas.

Lourivania, a filha e outras pessoas voltavam de uma festa quando passaram pela ponte. A suspeita é que eles estivessem alcoolizados.

Durante a travessia, a flha de Lourivania ameaçou se jogar no rio. A mãe, para tentar ajudar a filha, pulou da ponte ao achar que ela, de fato, havia se jogado.

Postar um comentário

0 Comentários