Lucas Capri, filho de Herson, revela assédio

Já considerado um galã, Lucas decidiu seguir os passos do pai e da tia e há dois anos assumiu que atuar era a sua vocação.
(Foto: reprodução/Mais Você/ TV Globo)
Tube News, via RD1
27/12/2018  21h10m
Lucas Capri, filho do ator Herson Capri com a diretora Susana Garcia, irmã da atriz Mônica Martelli, falou abertamente sobre a onda de assédio que tem sofrido nas redes sociais desde que surgiu sem camisa em uma foto na web.

Já considerado um galã, Lucas decidiu seguir os passos do pai e da tia e há dois anos assumiu que atuar era a sua vocação. “Decidi ser ator faz dois anos. Sempre tive minha família relacionada a isso, mas sempre fui muito tímido. Há dois anos, resolvi correr atrás do meu sonho e aí comecei a fazer um curso e me apaixonei”, declarou em entrevista ao Gshow.

Lucas é um dos nomes do elenco de “Minha Vida em Marte”, longa estrelado por Mônica e Paulo Gustavo. O convite foi feito pela mãe, diretora do longa. “Minha mãe falou comigo: ‘Você topa fazer?’. Eu falei: ‘Vai ser um desafio para mim porque nunca fiz nada’. É a minha primeira experiência profissional. A gente fez alguns testes, minha mãe aprovou e foi uma experiência maravilhosa. Nunca tinha feito nada, foi realmente um choque, mas foi muito legal”, disse.

No filme, Lucas interpreta o namorado de Aníbal, personagem de Paulo Gustavo. “Ele é um parceiro maravilhoso em cena. Me ajudou bastante, foi supercompanheiro”, falou o jovem sobre o comediante.

Tímido, Lucas Capri afirmou que não se acha um homem bonito. “Sempre achei o meu pai um cara bonito, então espero ter puxado a ele. Não me acho um cara lindo, não, mas espero ter puxado pelo menos o talento dos meus pais”, brincou.

Capri falou ainda sobre o assédio que tem sofrido nas redes sociais e até nas ruas. “Na rua, tem um pessoal que vem falar, sim, e, nas redes sociais, também. Recebo várias mensagens, mas não sou muito ligado a isso, não. Estou começando a ser mais agora”, revelou.

Sarado, Lucas explicou o que faz para manter o corpo. “Fui atleta de natação a minha vida toda, então sempre tive uma dieta bem regrada por conta disso. Eu nadava no Flamengo até uns 16, 17 anos e depois larguei. Hoje em dia, tento todo dia dar uma nadada ou uma corrida na praia e tento me alimentar de três em três horas”, confidenciou.

Nenhum comentário

Deixe sua opinião, sempre com respeito: