Surto psicótico de policial altera trânsito em bairro de Curitiba - Tube News

@otubenews

27 novembro 2018

Surto psicótico de policial altera trânsito em bairro de Curitiba

Situação ocorre na manhã desta terça-feira (27), em prédio no bairro Água Verde. Não há reféns.
Situação teve início por volta das 7h10 desta terça-feira (27), no bairro Água Verde — Foto: Wesley Cunha/RPC
Tube News, via G1
27/11/2018  13h23m
Um policial civil está tendo um surto psicótico no Edifício Itaiapólis, entre as ruas Guilherme Pugsley e Brasílio Itiberê, no bairro Água Verde, em Curitiba, desde as 7h10 desta terça-feira (27), de acordo com a Polícia Militar (PM). Não há reféns.

Segundo informações apuradas pela RPC, ele está no 13º andar e ameaça se matar e matar outras pessoas. Um funcionário estima que o prédio tenha de 450 e 500 moradores.

"Ele saiu nos corredores com um extintor, mas eu não sei dizer se ele estava armado. Sei que ele porta arma em casa porque é um policial", disse uma moradora que está no prédio e preferiu não se identificar.

A Guarda Municipal confirmou que ele é um policial civil, lotado na delegacia de Piraquara, na Região de Curitiba. A Polícia Civil disse que está acompanhando a situação.

"É um absurdo uma pessoa causar tudo isso. Estamos impedidos de entrar em razão do alto risco", contou outro morador, que está do lado de fora.

Em nota, a Polícia Civil informou que ele é investigador e responde a uma investigação preliminar, um processo disciplinar e uma comissão de sindicância de estágio probatório.

Explicou, ainda, que o caso está sendo acompanhando pela Corregedoria-Geral e pelo Centro de Operações Policiais Especiais (Cope).

"O fato será analisado a eventual prática de crime que será formalizado pela Corregedoria. A arma oficial e o conjunto documental já haviam sido recolhidos em situação anterior", afirmou a Polícia Civil.
Lentidão na região provocou um acidente de trânsito envolvendo uma grávida — Foto: Helen Anacleto/RPC

Na declaração, a Polícia Civil também ressaltou que Corregedoria-Geral "está formalizando o ato de suspensão de suas atividades policiais por 90 dias até a apuração do caso".

Pouco antes das 11h, o trânsito foi liberado na Avenida Água Verde com a Rua Bento Viana e também na esquina com a Rua Guilherme Pugsley.

Conforme a Secretaria de Trânsito (Setran), até a última atualização desta reportagem, no entanto, o tráfego estava parcialmente bloqueado na Avenida Água Verde com a Rua Brasílio Itiberê.

Por causa da lentidão na região, houve um acidente de trânsito envolvendo uma grávida.

Policiais do Comandos e Operações Especiais (COE), do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e do Cope estão no local, assim como a Guarda Municipal e o Serviço Integrado de Atendimento ao Trauma em Emergência (Siate).

Agentes da Setran orientam o trânsito enquanto a negociação ocorre.
Postar um comentário