Bolsonaro diz que não aceitará resultado da eleição, caso não vença - Tube News

@otubenews

28 setembro 2018

Bolsonaro diz que não aceitará resultado da eleição, caso não vença

Ele voltou a levantar suspeitas sobre as urnas eletrônicas: 'Não temos como auditar. Estou desconfiando de alguns profissionais dentro do TSE'.
Foto: TV Bandeirantes
Tube News
'Para o PT voltar, só na fraude', disse o candidato à Presidência pelo PSL em entrevista a José Luiz Datena, na TV Bandeirantes. Ele voltou a levantar suspeitas sobre as urnas eletrônicas: 'Não temos como auditar. Estou desconfiando de alguns profissionais dentro do TSE'. A declaração provocou reações dos presidenciáveis Geraldo Alckmin (PSDB) e Guilherme Boulos (PSOL). Confira:

Bolsonaro diz que José Dirceu, em entrevista, disse que o PT vai retomar o poder no Brasil. "Se isso acontecer, muitos empresários vão deixar o Brasil. Para o PT voltar, só na fraude, e não temos como auditar. Para o PT ganhar, só na fraude."

Em entrevista a Datena, Bolsonaro diz que ñ aceitará nenhum resultado da eleição que ñ seja a sua vitória. Diz que urnas eletrônicas ñ são confiáveis e critica Raquel Dodge por ter sido contra voto impresso: "Estou desconfiando de alguns profissionais dentro do TSE. "

Sobre essa fraude eleitoral, Bolsonaro disse o seguinte: “Não desconfio dos ministros do TSE pois eles não tem capacidade de hackers. Mas, desconfio de alguns profissionais dentro do TSE.”

Bolsonaro indica que não respeitará o resultado das urnas se não for ele o eleito. Disse ao Datena "pelo que vejo nas ruas, não aceito resultado diferente da minha eleição". Está sugerindo diretamente que o @TSEjusbr estaria envolvido numa suposta fraude do processo eleitoral?

"Você, Datena, se fosse o Lula, aceitaria ir para a cadeia sem ter um plano B no bolso?", diz Bolsonaro. E fala que o "plano B" é a fraude eleitoral.

Bolsonaro diz que não vai aceitar a derrota. Mostra mais uma vez que não está preparado para a democracia, quer manter o país dividido. Respeite a decisão popular, candidato. O Brasil não aguenta mais ódio e ataques às instituições. O povo quer soluções, não problemas.

Bolsonaro acaba de dizer a Datena na TV Bandeirantes que não aceita nenhum resultado das eleições que não seja sua vitória. A democracia de Bolsonaro é a famosa "cara, eu ganho, coroa, você perde". Já vimos esse filme e ninguém tem saudades.

Bolsonaro sobre seu vice, general Mourão: "Falei para ele ficar quieto, que afinal de contas, está atrapalhando realmente. Um vice não apita nada, mas atrapalha muito". Diz ainda que, apesar de ser general, sabe que terá papel de subordinação ao capitão presidente.

Bolsonaro volta a falar sobre Mourão e diz que determinou que ele fique quieto até o dia das eleições.

E seguiu sobre Veja: “Ali tem partilha de bens, a guarda dos filhos, e ela diz claramente que sangue quente fala-se coisas que não existe. É acusação de uma pessoa que ela mesmo diz que não aconteceu.”

Tube News
Postar um comentário