Menino de 9 anos comete suicídio após se assumir gay na escola - Tube News

@otubenews

28 agosto 2018

Menino de 9 anos comete suicídio após se assumir gay na escola

A mãe do menino, Leia Pierce, contou que o filho revelou a ela sua homossexualidade há cerca de um ano e foi aceito. Entretanto, quando contou aos seus colegas de classe sobre sua orientação sexual, começou a sofrer bullying.
Jamel Myles. (Foto: reprodução/Redes Sociais)
Tube News
Um menino de 9 anos cometeu suicídio na última quinta-feira (23) na cidade de Denver, em Colorado, nos Estados Unidos, quatro dias após se assumir gay na escola. A mãe do pequeno Jamel Myles, Leia Pierce, começou nesta segunda-feira (27/08) uma campanha de alerta contra o bullying e a homofobia nas escolas.

A mãe do menino, Leia Pierce, contou que o filho revelou a ela sua homossexualidade há cerca de um ano e foi aceito. Entretanto, quando contou aos seus colegas de classe sobre sua orientação sexual, começou a sofrer bullying. O garoto, inclusive, foi encorajado pelas outras crianças a tirar a própria vida. “Eu não sei o que mais falaram pra ele, mas minha filha disse que ele lhe contou que seus colegas falaram que ele devia se matar quando ele disse que era gay. Estou triste por ele não ter me contado disso antes”, desabafou ela à emissora de TV local KDVR.

Mesmo ainda lidando com luto, Leia quer alertar as famílias sobre as consequências do bullying e cobra a responsabilização dos pais. “As crianças sabem que é errado”, afirma a mãe. “Eu acho que os pais devem ser punidos porque, obviamente, eles estão ensinando as crianças a agirem assim ou estão as tratando dessa forma”.

Ainda de acordo com o canal, a Secretaria de Educação de Denver está fornecendo assistência social à família de Jamel e aos alunos acusados e afetados pela morte dele. Agora, o Departamento de Polícia da cidade está investigando o caso.

Tube News
Postar um comentário