Lua tem depósitos de gelo em seus dois polos, diz Nasa - Tube News

@otubenews

20 agosto 2018

Lua tem depósitos de gelo em seus dois polos, diz Nasa

Blocos são distribuídos de forma irregular e podem ser antigos. Agência espacial usou equipamento enviado em missão há 10 anos e diz ter comprovado 'definitivamente' a existência do gelo lunar.
Imagem mostra a distribuição do gelo na superfície do polo sul da Lua (à esquerda) e no polo norte (à direita) (Foto: NASA)
Tube News, via G1
A agência espacial americana (Nasa) anunciou nesta segunda-feira (20) que identificou regiões específicas nos polos da Lua que comprovam "definitivamente" a existência de gelo na superfície.

"Nas partes mais escuras e frias dos polos da Lua, depósitos de gelo foram encontrados. No polo sul, a maior parte do gelo está concentrada nas crateras lunares, enquanto no polo norte o gelo é mais vasto, e mais espalhado", escreveu a Nasa em anúncio no Twitter.

De acordo com a agência espacial, esses depósitos de gelo foram observados por uma equipe de cientistas e estão distribuídos de forma irregular. Há também a chance de serem antigos no satélite terrestre.

A equipe de pesquisadores foi liderada por Shuai Li, da Universidade do Havaí e da Brown University, e também contou com Richard Elphic, do Vale do Silício, na Califórnia. Os dados foram coletados com a ajuda da missão espacial não-tripulada Chandrayaan-1, nave enviada em 2008 pela Agência Espacial Indiana.

A Chandrayaan-1 carregava o Moon Mineralogy Mapper (M3), instrumento da Nasa capaz captar além das capacidades de reflexão da água: ele também mede diretamente como as moléculas absorvem a luz infravermelha, o que diferencia o líquido, do vapor e do gelo.

A maior parte do gelo está localizada entre as crateras dos polos, onde as temperaturas não passam dos - 150ºC. Devido à inclinação da Lua, a luz solar nunca atinge essa parte da superfície. Observações anteriores já haviam encontrado possíveis sinais de gelo no satélite, mas sem comprovação.

Tube News, via G1
Postar um comentário