Crítica | The Handmaid’s Tale – 2X09: Smart Power - Tube News

@otubenews

18 junho 2018

Crítica | The Handmaid’s Tale – 2X09: Smart Power

Aos poucos vemos uma Serena cada vez mais descontente com a sitauação em que vive em Gilead. June sente que nescessita proteger seu bebê. Veja fotos, informações, resumo e críticas do episódio Smart Power.
Serena e o Comandante antes da viagem ao Canadá. (Foto: reprodução/ HULU)

Tube News
Neste Smart Power, temos um tom mais conspiratório tomando conta do enredo, claramente dando pistas para o final da temporada e lançando sementes para o seu terceiro ano.

A visita de Waterford ao Canadá era algo que nos intrigava. Com o ritmo em que as coisas iam no começo desse segundo ano, tínhamos a perspectiva de que uma aproximação diplomático-econômica entre Gilead e o “lugar de esperança” fosse tirar a única opção momentânea de fuga para as pessoas que viviam na ditadura fundamentalista onde antes eram os Estados Unidos.
Comitiva de Gilead no Canadá. (Foto: reprodução/ HULU)


O roteiro de Dorothy Fortenberry representa muito bem a ideia política de “Smart Power” (tentativa de equilibrar poderes bélicos e ações de força com alianças e contratos diplomáticos, além de apoio do maior número de forças possíveis) e, ao mesmo tempo que desenvolve o que pode ser uma quebra pessoal em Serena (tudo em relação a ela é nebuloso — ou talvez seja eu mesmo, que não confio na personagem), levanta suspeitas para o que pode acontecer com June. Em relação à visita internacional, não dá para ignorar a cena entre ela e o embaixador dos Estados Unidos (filmada com o primor de um flerte passivo-agressivo). Os EUA ainda existem e, ao que tudo indica, é apenas o território do Havaí.
Serena é convidada a fugir para o Havaí. (Foto: reprodução/HULU)


Qual o tamanho territorial de Gilead e até que ponto os antigos EUA haviam sido destruídos? Ainda não temos esta resposta em definitivo.

É interessante ver Serena ser confrontada com todas as cenas de um mundo que ela, anteriormente, reprovava e via como empecilho moral para a “causa divina”, mas que agora parecem gerar nela um tipo secreto de felicidade, que já nem consegue mais esconder.
Serena vislumbra a liberdade do povo canadense. (Foto: reprodução/ HULU)

Serena vislumbra a liberdade do povo canadense. (Foto: reprodução/ HULU)

Serena e o Comandante sendo recebidos no Canadá. (Foto: reprodução/ HULU)

Serena e o Comandante sendo recebidos no Canadá. (Foto: reprodução/ HULU)


Além do contato renovado da Esposa com o novo mundo e o conhecimento de que a culpa para a queda da taxa de natalidade é dos homens e não das mulheres, algo parece que resultará em tragédia.
Luke recebe as cartas de Nick. (Foto: reprodução/HULU)

Luke divulga para publicação as cartas. (Foto: reprodução/HULU)

Eden sabia das cartas-denúncia, porque deu o pacote em mãos para Nick e este entregou para Luke, que foram publicadas no Canadá posteriormente. Esta publicação resultou na interrupção da visita dos Waterford no país vizinho.
Comitiva dos Waterford interrompe visita ao Canada depois da publicação de cartas que mostra a realidade das aias em Gilead. (Foto: reprodução/HULU)

Comitiva dos Waterford interrompe visita ao Canada depois da publicação de cartas que mostra a realidade das aias em Gilead. (Foto: reprodução/HULU)

Serena olha para os manifestantes com olhar assustado. (Foto: reprodução/HULU)

Moira, amiga de June, está na manifestação que acompanha a saída dos Waterford do Canadá. (Foto: reprodução/HULU)

Comitiva dos Waterford interrompe visita ao Canada depois da publicação de cartas que mostra a realidade das aias em Gilead. (Foto: reprodução/HULU)
A conversa de June com Tia Lydia trouxe em cena mais um grande momento da personagem, com um tom de grande significado para o futuro. June sabe que seus dias na casa estão contados e teme pelo bebê. Uma forma de garantir a sua segurança é criar alianças e denunciar sutilmente, como ela fez com Rita e depois, com tia Lydia. Mas no final das contas, essas madrinhas de sofrimento parece que não terão tanto trabalho assim.

Tia Lydia após conversa com June. (Foto: reprodução/HULU)

Ao que tudo indica, um novo plano de fuga está à vista. Renovada após a notícia sobre Moira e Luke, June dá a entender a colocação em prática de sua promessa ao bebê, no início da gestação. A força necessária para a quebra da rotina veio com as novas trazidas por Nick.

June está movitava a continuar a lutar, depois de receber as informações de Nick de como foi a visita no Canadá. (Foto: reprodução/HULU)

O tempo de agir chegou. Agora June sabe que seu marido continuará a lutar e não irá desistir. O ''Eu Amo Você, June", que Nick dissera ao sair do quarto, foi de certa forma uma despedida entre os dois. Nick sente que June está com os sentimentos renovados para lutar contra Gilead.

Texto base por Luiz Santiago, do site Plano Crítico, reeditado com adição de fotos capturadas em reprodução da HULU
Lucas Chiodini, Tube News
Postar um comentário